Blog

Como os programas de fidelidade podem ajudar o seu e-commerce a crescer?

Os programas de fidelidade são uma ótima forma de fazer o consumidor retornar à loja, criar um relacionamento e assim fidelizar mais clientes. Este recurso é utilizado por empresas de todos os portes, desde postos de gasolina com seu programa de pontos, aos restaurantes com as suas ofertas “compre 20 almoços adiantadas e pague um menor preço”. Este tipo de estratégia também pode ser implantada no seu e-commerce.

Para as empresas que possuem uma plataforma de e-commerce mais robusta, iniciar essa prática é bem mais simples, não sendo necessário remodelar todo o layout ou modificar a estrutura da plataforma. A prática mais comum no meio virtual é transformar a quantia gasta pelo cliente em pontos a serem acumulados e trocados posteriormente por outros produtos. Similar as operações de milhas em empresas aéreas, o programa de fidelidade funciona melhor com produtos de alto valor. Afinal, se a sua empresa possui um ticket médio de R$60,00, quanto o seu cliente teria que gastar para adquirir outro produto?

Provavelmente, o cliente não se sentiria estimulado a participar porque para conseguir um brinde seria necessário realizar muitas compras de alto valor.

Para definir um programa de fidelidade você deve analisar o comportamento de consumo das pessoas que compram no seu              e-commerce e se colocar no lugar do cliente. O que é mais vantajoso acumular pontos a cada quantia gasta em compras ou ganhar descontos a cada quantia gasta? A partir de qual valor ocorre a transformação? A meta é real?

Normalmente o cliente de e-commerce se sente mais propenso a gastar quando sabe que uma parte do seu valor da primeira compra será convertido em descontos no futuro. Você também pode propor  descontos a cada nova compra. Por exemplo a cada R$20,00 gastos em compras no e-commerce , seu cliente ganha R$1,00 a serem utilizados como desconto na próxima compra, ou em compras posteriores.

Ainda pode ser proposto o desconto acumulativo, fazendo assim com que o cliente tenha liberdade de decidir como irá utilizar o benefício fornecido pela loja. Deixar o benefício para mais perto da realidade do cliente ajuda ainda mais no processo de fidelização.

Foto: tirachard / Freepik

Fale conosco:
Solicitar contato

Quer transformar sua ideia em realidade?

Deixe seus dados e entraremos em contato.